FGV é eleita o 3º think tank mais importante do mundo

Fundação subiu duas posições no ranking global e se destacou com as melhores políticas e respostas institucionais à COVID-19

FGV é eleita o 3º think tank mais importante do mundo

A Fundação Getulio Vargas foi eleita o terceiro mais importante think tank do mundo, após subir duas posições no Global Go To Think Tank Index Report da Universidade da Pensilvânia, que acaba de ser divulgado. A instituição concorreu com mais de 11 mil pares, em um processo de votação que reuniu quase 4 mil especialistas dos cinco continentes, entre acadêmicos, empresários e autoridades públicas. Pelo 11º ano consecutivo, a FGV se manteve como a instituição mais influente na América Latina e, pelo quinto ano consecutivo, como o think tank mais bem administrada do mundo. Há 12 anos, quando estreou no ranking, que existe há 13, a FGV ocupava a 27ª posição global.

FGV é eleita o 3º think tank mais importante do mundo

Para o diretor Internacional da FGV, Marlos Lima, essa conquista representa o reconhecimento pela comunidade internacional da influência da Fundação no Brasil e no mundo, e da sua capacidade de propor soluções para problemas globais. “O resultado é fruto de décadas de trabalho e mostra a consolidação da internacionalização da FGV. É um sinal claro de que a Fundação vem participando, cada vez mais, das decisões que são tomadas, em âmbito nacional e internacional, por meio das suas análises e recomendações. Fica claro o quanto as pesquisas aplicadas da FGV são tecnicamente consistentes, assertivas e geradoras de excelentes resultados para o Brasil e todo o planeta”, observa Lima.

FGV é eleita o 3º think tank mais importante do mundo

Visão Multidisciplinar

Em um ano atípico como o de 2020, em que o mundo foi surpreendido por uma pandemia, Lima atribui à agilidade da FGV de se adaptar ao novo cenário adverso como um diferencial da instituição que a fez galgar duas posições, em uma demonstração de vigor e de tenacidade surpreendentes. Uma das categorias, que não foi ranqueada, surgiu do advento da crise sanitária e teve o mérito conquistado pela FGV. A instituição foi nomeada dentre os think tanks que tiveram a melhor política e resposta institucional à Covid-19.

“Há outra qualidade rara observada na FGV, que é o seu caráter multidisciplinar no trato de problemas complexos. Uma questão é estudada sob diferentes ângulos, seja do ponto de vista político, econômico, da gestão, do Direito e de outras disciplinas, ainda contando com os recursos das técnicas de Inteligência Artificial. Isso é algo difícil de ser encontrado no mundo”, acrescenta Lima.

FGV se destaca em diversas categorias

A FGV também se destacou em várias outras categorias do ranking. Em dez delas, figura entre os 10 melhores thinktanks do planeta, como o 3º melhor centro de estudos regionais; o 4º em políticas sociais; o 6º em melhores pesquisas multidisciplinares; e o 10º em duas categorias: maior impacto em políticas públicas e melhor think tank em desenvolvimento internacional. Ocupou ainda posições diversas em outras 10 categorias do ranking, que é elaborado pelo Think Tanks and Civil Societies Program (TTCSP), da Universidade da Pensilvânia.

FGV é eleita o 3º think tank mais importante do mundo

O que são Think Tanks?

Think Tanks são organizações que fazem a ponte entre o conhecimento aplicado e as políticas públicas. São instituições que elaboram pesquisas baseadas em evidências e promovem o engajamento de especialistas na troca de conhecimentos com o objetivo de informar o público e subsidiar com fundamentos científicos os tomadores de decisão na formulação e implementação de políticas públicas.

O material completo está disponível no site da universidade.

Fonte: portal.fgv.br

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Deixe um comentário

Posts Recentes

 Ver tudo   

Ciências Sociais
ISBE FGV

Ciência de Dados e Ciências Sociais: Projeto da FGV seleciona novos bolsistas

O projeto visa a expandir as abordagens computacionais de análise de dados nas Ciências Sociais e na História. A Escola de Ciências Sociais da Fundação Getulio Vargas (FGV CPDOC) abre o ano de 2022 com o processo seletivo para concessão de seis bolsas para o projeto “Ciência de Dados nas Ciências Sociais”, referente

Leia mais »