Seminário Internacional sobre desinformação do TSE conta com a participação do diretor da FGV DAPP

Este seminário reuniu especialistas brasileiros e estrangeiros para debater a desinformação nas eleições, com o objetivo de compartilhar informações e experiências sobre o fenômeno.

Seminário Internacional sobre desinformação do TSE conta com a participação do diretor da FGV DAPP

O diretor de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas (FGV DAPP), Marco Aurelio Ruediger, participou na última terça-feira, 26 de outubro, do II Seminário Internacional Desinformação e Eleições, organizado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ele esteve presente na segunda mesa do evento, intitulada “Como enfrentar a desinformação eleitoral”. Este seminário reuniu especialistas brasileiros e estrangeiros para debater a desinformação nas eleições, com o objetivo de compartilhar informações e experiências sobre o fenômeno, bem como sobre diferentes estratégias de combate à disseminação de notícias falsas em momentos fundamentais para a democracia. As contribuições serão utilizadas para aperfeiçoar ações de enfrentamento à desinformação adotadas pela Justiça Eleitoral, em busca de garantir eleições mais justas.

“Um dos pontos para o TSE no ano que vem é pedir que as plataformas deixem mais claro como elas vão atuar durante as eleições. Se isso não for feito, a desinformação vai fazer um estrago difícil de ser revertido” afirmou Ruediger. Ele também alertou para algumas questões que devem ser consideradas antes das eleições do ano que vem. “Meu temor é que o tempo tem passado muito rápido e a gente não tem visto uma resolutividade com relação às desinformações. E isso não vai ser resolvido um mês antes das eleições, isso precisa ser priorizado neste momento”, finalizou.

Além de Ruediger, participaram da discussão Tai Nalon, diretora executiva do Aos Fatos, Luiza Bandeira, pesquisadora associada do Digital Forensic Research Lab (DFRLab) do Atlantic Council, Daniel Bramatti, editor do Estadão Verifica e Laura Moraes, coordenadora sênior de Campanhas da Avaaz no Brasil, com a moderação de Aline Osorio, secretária-geral da presidência do TSE.

Os ministros Luís Roberto Barroso, presidente do TSE e Luiz Edson Fachin, vice-presidente do TSE, fizeram a abertura do evento. As discussões duraram o dia todo, totalizando quatro mesas sobre campanhas de desinformação, o papel das plataformas de redes sociais e as experiências de outros países com desinformação em eleições.

Para ter acesso a mais informações sobre o que ocorreu no evento acesse o link.

Fonte: portal.fgv.br

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest

Deixe um comentário

Posts Recentes

 Ver tudo